Ciatécnica promove webinar sobre Open Banking no Brasil

Ciatécnica promove webinar sobre Open Banking no Brasil

Na última terça-feira (12/05), a Ciatécnica promoveu o Webinar sobre Open Banking no Brasil, mais um evento da série Ciatécnica Talks, que traz semanalmente assuntos pertinentes ao momento atual.

Carlos Ronaldo Ferreira, Sales & Growth da Cia Técnica, fez um overview da história recente da regulação bancária no Brasil. Em sua opinião, a atuação do nosso Banco Central (BC) é um ótimo exemplo de uma regulação bancária consistente e sustentável ao longo das últimas décadas. O foco na análise da solvência, estabilidade e capacidade econômico-financeira das instituições autorizadas pelo BC, se por um lado trouxe uma maior segurança e estabilidade para o mercado financeiro, por outro acabou sendo um dos fatores que contribuiu para uma crescente concentração desse mercado em pouco e grandes conglomerados.

Como exemplo dessa tendência, mais acentuada nos últimos anos, no final de 2008 contávamos com 2.423 instituições autorizadas a operar no mercado financeiro pelo Banco Central. Já no final de 2018 esse mesmo indicador registrou apenas 1.677 instituições na mesma situação.

Nesse contexto, o importante e desejável movimento para a promoção de uma maior concorrência neste mercado está se tornando mais viável a partir de novas regulamentações que o BC vem estruturando e implementando com esse propósito, como no caso das regulamentações que tratam das Fintechs em 2016/18 e da que estará ocorrendo a partir desse ano, relativa ao Open Banking.

Seguindo com este processo, o Bacen publicou no dia 04/05 a regulação conjuntiva sobre Open Banking no Brasil.

Luiz Gustavo Nugnes, Consultor Parceiro Ciatécnica, apresentou painel contendo os pilares de construção do Open Banking no Brasil, as fases definidas, pontos relevantes e cronograma para entregas.

“Todos os pontos desta regulamentação já vinham sido discutidos e neste momento foram lapdados. Um dos principais pontos é que o centro de todo este processo é o cliente. Trabalhar consentimento, permitindo que o cliente seja dono da informação e possa trabalhar com as diferentes informações financeiras disponíveis no mercado, e portá-las de uma instituição para outra.”.

Luiz falou também sobre Open Banking Radar, trabalho de pesquisa que vem realizando sobre a situação atual das instituições brasileiras quanto a implantação do open banking e apresentou a estrutura de projeto proposto por ele em parceria com a Ciatécnica. “A idéia da Ciatécnica é tirar o gap entre tecnologia e de negócios, olhando também para a parte de baixo do iceberg”.

De acordo com Cezar Taurion, VP Consulting & Innovation Ciatécnica, que coordenou o evento, “o que chamaremos de banco em um futuro próximo será uma plataforma digital com APIs disponíveis para vários serviços.”.

Assista webinar na íntegra em nosso canal no Youtube:https://youtu.be/VTI6aqWbsHQ.

Fale com nossos consultores: contato@ciatecnicaconsulting.com.