Cada vez mais as organizações necessitam adotar novas soluções de tecnologia para atender a demandas crescentes de seus departamentos internos ou da organização como um todo. A necessidade do trabalho remoto, causada pela pandemia do coronavírus acelerou mais ainda esse processo de digitalização das empresas, muitas se viram na necessidade de adotar o home office sem estarem devidamente preparadas para isso, enfrentando um sério problema para fazer com que as informações circulassem com fluidez entre seus departamentos, uma vez que seus colaboradores agora estavam dispersos geograficamente.

Diante disso, a integração de sistemas ganha relevância para que essas organizações possam, de forma digital, fazer circular a informação entre seus sistemas e departamentos de maneira simples, rápida e o que é melhor, sem a necessidade de grandes investimentos, como aquisição de novos sistemas que centralizem as informações em um único local e treinando seus colaboradores para o uso destes novos sistemas. As aplicações implementadas para resolver problemas departamentais acabam se tornando um silo de informações, e essas informações acabam sendo mal aproveitadas pelo restante da organização.

De forma bastante simples, integrar dois ou mais sistemas é fazer com que a informação que seja inserida em um sistema possa ser enviada a outro ou outros sistemas, de forma autônoma, reduzindo tempo, diminuindo o índice de erros e retrabalhos.

Integrar sistemas sem o conhecimento ou ferramental adequado acaba se tornando um problema para a organização, pois exigirá um árduo esforço técnico para controlar e gerir essas integrações e tornar qualquer manutenção necessária um problema de tempo e de custos para sua execução. Muitas empresas optam por integrar seus sistemas utilizando solução desenvolvida em casa. Com isso, o profissional de TI desenvolve um código que atende pontualmente dois sistemas, é o que conhecemos como integração ponto a ponto. O problema é que os negócios da organização crescem e demandam cada vez mais integrações e este modelo acaba se tornando frágil, moroso e  de custo elevado para mantê-lo.

Mas como integrar meus sistemas legados que estão em linguagens, tecnologias, bancos de dados e infraestruturas diferentes? Como fazer isso de forma escalável e confiável? Será um projeto muito caro e demorado?

Não. Com as plataformas de integração de sistemas existentes é possível que os sistemas de informação “conversem” entre si, sem a necessidade de grandes e complexos desenvolvimentos, pois são agnósticas as linguagens, tecnologias e bancos de dados,  possibilitando que as informações de negócios de seu ERP sejam levadas para seu E-commerce, para seu sistema de gestão de comissionados, para o sistema de Call Center, para sua força de vendas entre outros.

E quais os benefícios de se adotar uma plataforma de integração?

Vários, além dos benefícios técnicos para a equipe de TI como segurança na troca de informações, centralizar todas as integrações em um único local, monitoramento e logs de controle, ressalto os benefícios para a organização, como:

  1. Baixo impacto nas aplicações atuais: é possível se implementar uma plataforma de integração, composta por um ESB (Enterprise Service Bus) e um API Manager e integrar todos os seus sistemas atuais da forma que estão, sem necessidade de atualizações ou substituições.
  2. Execução Programada: esse projeto poderá ser feito de forma gradual, elencando o que se considera essencial para organização, ajustado aos seus cronogramas e orçamentos.
  3. Preservação dos Investimentos: outro grande benefício que considero é a preservação dos investimentos já realizados em tecnologia pela organização pois, os sistemas não precisão ser substituídos, os colaboradores não precisarão ser treinados para usar a tecnologia.
  4. Tempo: é um projeto que pode ser realizado em um curto espaço de tempo e traz retorno para a organização muito rapidamente.

O momento atual, acelerou o processo de digitalização das organizações, e ter uma plataforma de integração de sistemas é essencial para o início do processo de Transformação Digital da sua organização. Fale com nossos consultores: contato@ciatecnicaconsulting.com.